Caríssimo Aroldo, a enxurrada de palavras e idéias(consistentes) que invadem sua fala é tão intensa que nem mesmo os esforços que você utiliza através de mãos, pés, braços, tripa, bofe e coração, seriam suficientes para dar conta de tamanha tarefa. A música com certeza é mais um recurso e você acertou em cheio. Continue com essa vivacidade e nos faça, sempre, ver a vida através do prisma das letras e tons e notas e versos e, tudo, de bom, de salutar, que a natureza nos reservou. Valeu!!

Flávio Leandro
Crato/CE, 2002