Aroldo , me identifico com a sua pessoa. De longa data escrevo e pretendo lançar o meu livro de poesias. Depois de contos e crônicas e finalmente romance. Inclusive um romance onde na terceira parte é ambientado em Petrolina... Não sei o que vai pensar a meu respeito. A razão de lhe escrever também é que gostaria de oferecer a minha amizade. Se você se der ao trabalho de me conhecer melhor verá que encontrou mais um amigo. Acredito no que sou, escrevo e faço. Por isso resolvi lhe escrever... Se em mim não houvesse princípios, valores e sinceridade não me atreveria a lhe escrever. Sou uma pessoa íntegra que acredita em sonhos, que esse mundo pode se tornar digno de ser vivido. Espero que acredite em mim e que um dia se torne realmente meu amigo.

Alberto Mota
Recife/PE, 1998